Elden Ring ganha novas imagens mostrando criaturas e mundo.

Prévias exaltam dungeons e liberdade de exploração.


Nesta sexta-feira (27), a Bandai Namco e a From Software revelaram mais imagens e informações de Elden Ring na Gamescom 2021, além de novas informações sobre a estrutura e mecânicas do jogo.


Geoff Keighley, organizador do Gamescom Opening Night Live e do Summer Game Fest (onde o jogo ganhou data de lançamento) exibiu quatro novas imagens de Elden, além de exaltar uma sessão de gameplay exibida para a imprensa.


"Eu prometi que a Gamescom ainda não tinha acabado", escreveu. "Mais cedo na semana [a From Software] graciosamente mostrou a mim e alguns outros mais de 16 minutos de gameplay no PC."


Como apontado por Keighley, diversos veículos de imprensa tiveram oportunidade de assistir a uma sessão de 16 minutos de jogo, além de uma conversa com o produtor Yasuhiro Kitao, que revelou mais das novidades do jogo.


Assim como jogos anteriores da From Software, Elden Ring contará com um overworld repleto de caminhos diferentes e encontros com chefes opcionais, além de vários finais diferentes dependendo de suas ações.


Ao contrário de Sekiro, que contava com um protagonista pré-definido, o game volta ao modelo de Dark Souls e Bloodborne com personagem customizável, além de um hub com vários NPCs com quem o jogador poderá interagir.


Tal qual Sekiro, porém, o game contará com mecânicas de furtividade, além de um novo tipo de golpe conhecido como "Guard Counter", em que é possível golpear imediatamente após um bloqueio normal, e se diferencia do típico aparo de Dark Souls (que também existe em Elden Ring).


Também será possível visitar os chamados "Legacy Dungeons", que ficam separados do mapa central.


Além disso, Kitao explicou um pouco mais de como foi a colaboração do autor George R. R. Martin, de "As Crônicas de Gelo e Fogo", no processo criativo do jogo.


"George R. R. Martin nos providenciou a mitologia para o mundo, que acontece muitos, muitos anos antes dos eventos do game, e ajuda a moldar muito do estado atual do mundo e seus personagens", declarou. "Acreditamos que a mitologia que ele criou teve muita influência em nosso método para a narrativa desta vez. George R. R. Martin foi gentil o suficiente para entregar isso para nós para fazermos o que quiséssemos como ela, e [o diretor Hidetaka] Miyazaki se divertiu muito brincando com a mitologia."


O produtor também indicou que desta vez, a narrativa não será tão abstrata e contada principalmente pelo mundo, estruturas e objetos.


“Frequentemente nos dizem que os nossos jogos possuem histórias que são difíceis de entender, mas dessa vez sentimos que, ao invés de apenas focarmos na trama do mundo, os personagens e os dramas ao redor deles vão traçar uma narrativa mais clara e ajudarão os jogadores a se envolverem com este universo” (via Canaltech)


Elden Ring sai em 21 de janeiro de 2022 para PC, PS4, PS5, Xbox One e Xbox Series X|S.


fonte: The Enemy

0 visualização0 comentário