top of page

Ghostwire: Tokyo terá 'algo para o Xbox', segundo Shinji Mikami

Quando a Microsoft adquiriu a Zenimax no ano passado, tornando-se proprietária da Bethesda Softworks e de seus respectivos estúdios, uma das produtoras que se tornaram parte da família Xbox foi a Tango Gameworks.



Fundada por Shinji Mikami, o "pai de Resident Evil", a desenvolvedora estava mais ou menos na metade do processo de criação de Ghostwire: Tokyo, tendo inclusive um contrato de exclusividade temporária com a Sony — que a MS prometeu honrar mesmo sendo a nova dona do estúdio. Agora, com a proximidade do lançamento do aguardado jogo, Mikami falou sobre sua chegada ao Xbox.


Em entrevista concedida ao VG247, na qual obviamente a aquisição da empresa por parte da criadora do Windows foi um dos temas abordados, o produtor disse que a produtora "provavelmente terá algo para o Xbox no futuro". Mikami referia-se especificamente a Ghostwire, dando aos fãs do lado verde da Força uma pontinha de esperança de que algo legal possa estar a caminho quando a exclusividade temporária acabar.


Ghostwire: Tokyo deve permanecer como um exclusivo do PlayStation 5 por pelo menos 12 meses, provavelmente sendo liberado para lançamento no Xbox Series X|S no final de março de 2023. Apesar de não citar nada específico, Mikami ao menos reconheceu a chegada do título ao console da Microsoft no futuro.


Potencialmente, o game pode acabar sendo incluído ao catálogo do Game Pass, como os demais jogos da Bethesda — incluindo a série The Evil Within, cujo terceiro lançamento acabou sendo responsável pelo surgimento da nova aventura sobrenatural do estúdio.


Ghostwire: Tokyo chega às lojas no dia 25 de março de 2022 para PC e PS5 — com exclusividade temporária no console da Sony.


fonte: Voxel

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page